Enseada do Bananal (Niterói/Rj)

A trilha é super leve, dura cerca de 20 minutinhos, mas tem um visual lindo. Para quem achar que fazer só esta trilha é pouco, faça que nem eu fiz, logo em seguida suba o Costão de Itacoatiara. Os dois ficam localizados no Parque Estadual da Serra da Tiririca.
img_20160709_124842A Enseada do Bananal é formada por uma região de muitas pedras. A região também é frequentada por escaladores. A trilha para chegar até a enseada inicia-se pelo mesmo caminho que vai para o topo do Costão. Após 10 minutos de caminhada, chega-se em uma trifurcação. Para a direita, segue-se até o topo do Costão e para a esquerda segue para a Agulha Guarischi. O caminho a ser seguido é o do meio, em uma descida que continuará por mais alguns minutos até chegar à enseada.

Chegando lá, temos o contato direto com o mar e uma visão das formações rochosas que compõe a região, incluindo uma visão diferenciada do Costão. Subindo o bloco rochoso pelo seu acesso lateral, haverão dois pontos para a montagem do rapel, um com 31 metros de rapel predominantemente negativo (sem contato com a rocha) e outro com rapel positivo (com contato com a rocha), de 27 metros. A saída do rapel na maior via é realizada em um ângulo de 90º, exigindo atenção e também alguma proteção para a corda. A descida é realizada próximo ao mar, nos blocos de pedras existentes.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s